31 de maio de 2008

Thiago Bernardes
1. Apresentador posa com o logo do reality show musical; 2. Rodrigo corre em direção ao participante que se sentiu mal

O apresentador Rodrigo Faro teve seu dia de herói na sexta-feira (30). Gravando chamadas para o programa "Ídolos", no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, Rodrigo não pensou duas vezes quando viu um candidato do programa passar mal e tratou logo de ajudar.

Ele correu até a arquibancada onde estava a vítima, acompanhou os primeiros socorros prestados pelos paramédicos e fez questão de observar o transporte até a ambulância. "Entendo um pouco de primeiros socorros e fui ajudar", disse o ator, visivelmente preocupado com o jovem que sofreu um ataque de epilepsia.

Quando Rodrigo voltou para o ginásio, foi ovacionado e aplaudido de pé pelas milhares de pessoas que estavam ali para participar do programa.


Após passar por Porto Alegre, Salvador e Rio de Janeiro, a equipe de produção de Ídolos chega em São Paulo para fazer as últimas audições programa. Mais de 16 mil pessoas se inscreveram só na capital paulista e nem mesmo a forte chuva que caía, ou o frio de 16 graus, foram capazes de desanimar a multidão que se aglomerou na porta do ginásio na manhã desta sexta-feira.
Mais uma vez Faro estava presente. Ele conversou com alguns candidatos, posou para fotos e deu alguns conselhos. "Já fiquei muito em fila e também participei de audições para fazer musicais no passado. Sei exatamente o que passa na cabeça da galera e já levei muitos nãos".



De participações não muito marcantes na TV ao comando de dois programas na segunda emissora em audiência do País. Alguém duvida que Rodrigo Faro trocou o 'duvidoso pelo certo'?

'O Melhor do Brasil' e 'Ídolos' ganharam a presença cênica de Faro, que agora é destaque na Record. E ainda, de vez em quando, ele relembra os dotes como ator; a exemplo, a participação na novela 'Chamas da Vida'.

Com tudo isso, são visíveis as faíscas do brilho da nova fase do 'apresentador-ator'. (Sortudinho, hein?). "Hoje, sou muito mais reconhecido, do que na época que estava fazendo novelas na Globo", confessa.

O ator diz estar vivendo um ótimo momento da carreira, já que divide os palcos da emissora com viagens pelo País para gravar ídolos. "Estou vivendo um ótimo momento em minha vida", declara o galã.

28 de maio de 2008

Multa será paga
Rodrigo Faro diz à Quem desta semana que atribui sua rotina corrida à mudança radical que fez na carreira: trocou a vida de ator da Globo, pela de apresentador da Record. Sobre a multa contratual: "Quando for arbitrado o valor, vai ter que ser paga". Ainda na Record fará participação na novela Chamas da Vida, como bombeiro.

23 de maio de 2008

Será realizada nesta sexta-feira (23) a etapa carioca da seleção de candidatos a cantores do reality show "Ídolos", da Record. O programa tem estréia prevista para agosto.

Divulgação
Rodrigo Faro é o apresentador do "Ídolos" na Record
Rodrigo Faro é o apresentador do reality show "Ídolos" na Record

O apresentador Rodrigo Faro e a produção do programa estarão amanhã na capital fluminense. Esta será a primeira audição da região Sudeste, informou a Record. A atração já selecionou candidatos em Porto Alegre e em Salvador.

Os cariocas que desejam mostrar seu talento musical precisam comparecer amanhã ao Sambódromo (av. Marquês de Sapucaí, s/nº, região central do Rio).

A audição em São Paulo está marcada para o último fim de semana deste mês.
.
Até o momento, 8.271 candidatos se inscreveram no Rio e 15.996 se candidataram à seleção em São Paulo. Saiba
como fazer a inscrição.

14 de maio de 2008

uiz André Calainho é um dos caras mais ativos dos bastidores da cena musical e no segmento de entretenimento no Brasil. Agora, ele sai dos bastidores e seu rosto ganha espaço na tela. Ele será jurado do programa "Ídolos", ao lado da cantora Paula Lima e do compositor Marco Camargo. O programa estréia em agosto, na Record. Resta saber se ele vai fazer a linha do jurado fofo ou se vai assumir o papel do sarcástico Simon Cowell, na matriz americana, "American Idol".

A apresentação do programa vai ficar a cargo de Rodrigo Faro . Mas está com Calainho a maior responsabilidade. "Há 18 anos vivo literalmente da música. Primeiro como executivo de uma grande gravadora e, na seqüência, como empresário. Percebi em 'Ídolos' uma oportunidade para contribuir com o segmento da música no país", disse ele ao EGO.

O empresário está confiante na contribuição. "Durante dez anos como executivo da Sony Music, primeiro como diretor de marketing depois como vice-presidente, tive a oportunidade de trabalhar com artistas plenamente consagrados, como Roberto Carlos, Martinho da Vila e Djavan, assim como no desenvolvimento de novos artistas, como Jotaquest, Cidade Negra e Chico Science. Obviamente, isso foi fundamental para minha carreira, inclusive nos meus negócios atuais", afirmou.

Calainho é sócio de duas rádios, a Paradiso e a Rádio Mix FM, toca o projeto de verão "Oi Noites Cariocas" e cuida da produção do musical "A Noviça Rebelde", com estréia prevista para 22 de maio no teatro Oi Casa Grande – espaço no Rio de Janeiro do qual também é sócio. "De fato, considerando os oito negócios que tenho, minha agenda é bastante intensa Porém, já estruturei as datas para que tudo esteja plenamente organizado", disse.